Menu Digite o nome da receita, ingrediente...

Nunca sem minhas fibras !

Por,
Receitas sem Fronteiras

 

Nunca sem minhas fibras alimentares

 

As fibras tem naturezas e ações diferentes e se classificam em duas categorias : 

 
- As fibras insolúveis presentes nas paredes dos grãos de cereais e na pele dos legumes e frutas frescas e secas. Nós não sabemos digerí-las. Pouco degradáveis, elas ocupam um volume importante no nosso intestino e estimulam assim as contrações evacuativas do colon. 
 
- As fibras solúveis presentes entre outras na polpa de certos frutos ( a maçã por exemplo ). Elas aumentam de volume formando um gel em contato com a água. Elas facilitam assim o trânsito intestinal.
 

Conselhos para aumentar o consumo de fibras:

 
- Aumente seu consumo de legumes crus, saladas verdes e legumes cozidos uma refeiçéao sobre duas... em pelo menos tres vezes ao dia.
 
- Pense nas frutas de manhã e à tarde. Em caso de constipação comprovada, coma ameixas secas e evite a banana.
 
- Redescubra o prazer de cozinhar legumes secos, ao menos, uma a duas vezes por semana. Eles voltaram à moda!
 
- Varie seus pães e saboreie os pães de cereais;
 
E se você gosta disto, porque não salpicar suas saladas mistas com um pouco de farelo em pó (de trigo, aveia, linhaça,  etc,  uma pequena colher de café é suficiente ).
 

O que é preciso lembrar:

Para ter uma quota de fibras suficiente, é preciso comer todos os dias pelo menos cinco frutas e legumes, pães de grãos ou integrais, farelo de cereais no café da manhã, um prato de feculantes como -se possível regularmente- cereais integrais ( arroz, massas integrais ) e legumes secos ( lentilhas, ervilhas, feijões, favas, grão de bico, etc. ). Você faz as escolhas !
 

SOS Ameixas secas!

 
Consumir tres a quatro ameixas secas ao dia, na sobremesa ou entre as refeiçéoes, é uma pequena ajuda para o trânsito intestinal ! Não somente, elas contém quatro a cinco vezes mais fibras que uma fruta fresca, mas elas são também ricas em sorbitol, uma açúcar natural com uma certa carga calórica mas da qual se conhece o poder laxativo.
 
 
E agora, vamos conferir mais receitas para uma vida saudável?
 
 
 

Outros artigos quentinhos, saídos do forno!



Receitas e dicas em vídeo!

Granola caseira: faça em casa, fresquinha e do seu jeito!

Se você curte GRANOLA, e melhor pedida é fazer em casa, assim, você escolhe os ingredientes, compra naquela loja que você confia e, no final, fica tudo ao seu gosto! Agora, se você não tinha a receita, agora tem! 

Ingredientes:

  • 30 g de óleo
  • 60 g de mel
  • 4 grandes pitadas de sal
  • 350 g de flocos de aveia
  • 175 g de amêndoas
  • 125 g de cranberries ou passas 
  • 1 clara de ovo grande
  • 75 g de sementes de moranga / abóbora (opcional)

 

Agora, é só seguir o vídeo ou, se preferir, confira nossa receita passo a passo de granola caseira!

 

Comentar este artigo

Água: a consumir sem moderação! CHOCOLATE: amigo ou inimigo da sua saúde?