Menu Digite o nome da receita, ingrediente...

10 sugestões de receitas para as papinhas dos bebês

Por,
Receitas sem Fronteiras

Podemos usar potinhos de papinhas para nossos bebês comprados prontos. Mas você pode fazê-los e regalar seu filhote com sabores caseiros.

10 ideias de receitas caseiras para regalar seu bebê

Não podemos duvidar da qualidade e confiabilidade dos potinhos para bebês comprados prontos. Entretanto, quando dispomos de tempo, gostamos de cozinhar e temos vontade de elaborar gostosuras para nosso bebê, é fácil fazer purês e compotas. Entretanto é preciso ter certas precauções para começar a diversificar a alimentação do pimpolho. É preciso respeitar o seu desenvolvimento e proceder a introdução progressiva: de início os outros líquidos, além do leite (de 4 a 8 meses, e se o bebê tem tendência a alergias, só começar depois de 6 meses), depois os sólidos e texturas, de 9 meses aos 3 anos. Começamos por acrescentar legumes digestíveis (pobres em fibras) em purê fino, diluídos na mamadeira de leite, de preferência no almoço. O leite materno continua como alimento principal. Depois dos 9 meses, propomos frutas, legumes, cereais, carne, peixe, ovo de acordo com o caso em purê, compotas de frutas (purê) ou em pedacinhos ou mixadas. Depois de 1 ano levamos a criança a descobrir novos sabores e texturas lentamente. Uma coisa é certa e fundamental: até a idade de 3 anos o leite materno ou de crescimento continua presente (500 ml por dia), mesmo se ele pode ser substituído em parte por queijo, iogurte ou queijo cremoso. Se é preferível prepará-los diariamente, os potinhos se conservam durante 2 dias na geladeira, fechados, e até um mês congelados.


.

Outros artigos quentinhos, saídos do forno!



Receitas e dicas em vídeo!

Vídeo Receita: Wrap de frango e legumes!

Uma vídeo receita mostrando como fazer um delicioso WRAP de frango e legumes! Imperdível!

Comentar este artigo