Menu Digite o nome da receita, ingrediente...

Legumes com dips, uma delícia saudável

dips com legumes

Divertidos, saudáveis e práticos para pequenas reuniões entre amigos, os dips são molhos nos quais molha-se diretamente os alimentos: crudités ( legumes crus como cenouras, pepinos, aipo, beterraba, etc ), rolinhos de primavera e outros,  de onde seu apelido no Canadá ser "trempette" ( no coloquial : molhado rápido, "banho de gato" ... ).

Ideais para a hora do aperitivo,  os dips são uma ótima maneira de aumentar o consumo de legumes crus e com prazer. Não hesite também em prepará-los para um  lanchinho ou para levá-lo como lanche na "lunchbox"  ( marmita ).

 

O que se molha num dips ?

Todos os legumes se prestam bem aos dipsbasta apenas um pouco de preparação para cortá-los no formato ideal. Não é necessário lembrar que é primordial escolher legumes frescos e da estação para aproveitar ao máximo suas vitaminas e enzimas.

Daí então, quase tudo é bom para molhar num dip : tomates em corte de folhas ( sem as sementes é claro ... ), tomates cerejas, cogumelos de Paris frescos, talos de aipo, bastões de : cenouras, abobrinhas, pepinos, rabanetes, couve flor, beterrabas cruas, etc.

Saiba que é preferível cortar os legumes em bastões curtos, para serem pegos com mais facilidade e para que seus convidados não tenham necessidade de molhar diversas vezes no dip, um legume  já mordido. Prepare também palitos ou similares para os legumes frágeis e difíceis de segurar com a ponta dos dedos, como os tomatinhos cerejas. 

Para fazer uma refeição completa à base de dips, você pode preparar também molhos doces para a sobremesa nos quais serão molhados pedaços de frutas frescas. 

 

Alguns conselhos e astúcias para seus dips

O mais comum  é à base de queijo fresco,  de cottage ou iogurte grego no qual se acrescentam ervas frescas, mostarda, especiarias, molho chili etc. Os dips lhe permitem  dar asas à sua imaginação. 

Para ficar no tema do cru, utiliza-se também o abacate amassado em purê (tipo um Guacamole), que faz maravilhas como dip, depois de bem temperado, é claro.

 

Antes de se aventurar na realização de suas próprias receitas, é preciso conhecer algumas regras de base.

A preparação não deve ser muito líquida

Sob pena de se ter o desprazer de ver uma toalha limpíssima com uma bela mancha de molho e um legume quase "virgem" na mão ... E preciso portanto que seu dip tenha um mínimo de consistência, seja suficientemente espesso para evitar acidentes ... Que tal fazer um teste antes de servi-lo ?

 

Ao mesmo tempo, evite molhos muito espessos e colantes

É preciso que seu bastão de legume possa facilmente se recobrir de dip. Um molho muito grosso pode também causar  o mesmo tipo de "acidentes" ...

Encontre  portanto o ponto certo para ter um dip leve cremoso.

 

Finalmente evite pedaços

Não é muito agradável ficar "pescando" ou evitando algum pedaço perdido por lá. Amasse ou processe bem todos os ingredientes que serão utilizados para preparar seu dip.  Você vai obter um purê fino, perfeito. 

 

Veja algumas sugestões de receitas para realizar molhos dips e patês originais ( atenção, nem todas nossas receitas não se aplicam a um regime de alimentos crus, confira antes! ), principalmente nossos: Dip de gorgonzola com Greco - Dip picante de cheddar - Dip sour cream!

 

 

Outros artigos quentinhos, saídos do forno!



Receitas e dicas em vídeo!

Vídeo Dica: você sabe cozinhar legumes verdes?

Quando fazemos legumes verdes, nem sempre eles ficam verdinhos e isso é frustrante! Mas chef Christophe está aqui para nos ajudar e acabar com este problema! Confira o vídeo e faça sempre legumes bem verdinhos! 

Se quiser mais dicas, confira nosso artigo sobre cozimento de legumes verdes: Sua vagem não fica verdinha? Agora vai ficar! 

Comentar este artigo

Carpaccio - mais uma delícia italiana nas nossas mesas! DICA PERFEITA: Como fazer uma sobremesa rápida à base de sorvete?